Sede da ONU na Suiça. (Jean-Marc Ferré/UN)

A comunidade internacional condenou o ataque de hoje pela manhã que deixou 7 feridos em Israel. Às 5:18 desta segunda-feira, Israel despertou com o barulho de sirenes antimíssil. Um foguete lançado pelo Hamas acertou em cheio uma casa em Mishmeret, ao norte de Tel Aviv.

O Coordenador Especial para o Processo de Paz no Oriente Médio na ONU, Nickolay Mladenov, condenou o ataque à civis israelenses e os classificou como “absolutamente inaceitável”.
Nickolay Mladenov escreveu em sua conta no Twitter que: “O disparo de um foguete hoje de Gaza à Israel, que acertou uma casa ao norte de Tel Aviv e feriu sete pessoas, é absolutamente inaceitável. Este é um incidente extremamente sério! A Onu e está trabalhando intensamente com o Egito e todos os envolvidos, mas a situação ainda é muito tensa.”

Além de Nickolay, o Embaixador dos Estados Unidos em Israel, David Friedman, também utilizou sua conta no Twitter para condenar o ataque. “Estou indignado em saber sobre outro ataque do Hamas a civis israelenses. 7 pessoas ficaram feridas, inclusive uma criança de 3 anos e outra de 6 meses. Nós condenamos esse ato de violência e esperamos que os feridos tenham uma rápida recuperação.

Outra a usar o Twitter para condenar os ataques foi a Embaixatriz da França em Israel, Hélène de Gal, que expressou solidariedade a população de Israel, vítima destes disparos. A diplomata francesa aproveitou ainda para compartilhar um comunicado do governo Francês condenando o ataque desta manhã.

O Embaixada Italiana também usou o Twitter para condenar os ataques e escreveu: “Nós condenamos veementemente o ataque de hoje com foguetes lançados de Gaza e que atingiu uma casa em Mishmeret, nordeste de Tel Aviv, ferindo sete pessoas, incluindo crianças pequenas. Não há justificativa para tal ataque terrorista. Nossos sentimentos para com os feridos. Nossa solidariedade para com todos os israelenses.”

O Governo Espanhol também condenou o ataque. Em um Tweet a embaixada espanhola em Israel escreveu: “O governo condena veementemente o lançamento de foguetes contra Israel que esta manhã causou vários feridos de uma família na cidade de Mishmeret, no centro do país.”

Infelizmente, até o momento, não encontramos qualquer posicionamento dos governos de Brasil ou Portugal sobre os ataques.

Por: David Aghiarian