Sheik Jabari recepciona judeu religioso (arquivo) (Flash90/Noam Moskowitz) Sheik Jabari recepciona judeu religioso (arquivo) (Flash90/Noam Moskowitz)
Sheikh Jabari at a previous meeting with Jewish leaders. (illustrative) (Flash90/Noam Moskowitz)

Um empresário palestino convidou judeus israelenses para uma refeição “Iftar”. Esta,  é uma refeição festiva feita ao fim de um dia de jejum no mês do Ramadã, o mais sagrado do calendário muçulmano.

Por: United with Israel

Na segunda-feira, o empresário palestino Sheik Ashraf Jabari, recebeu líderes judeus israelenses das regiões da Judéia e Samária para celebrar o término de um dia de jejum no mês do Ramadã. Este é o mês mais sagrado do calendário muçulmano.

Durante o Ramadã, muçulmanos de todo o mundo jejuam do nascer ao pôr do sol. Ao fim do dia, para celebrar o fim do jejum, as famílias muçulmanas reúnem-se para a tradicional refeição “Iftar”.

Entre os convidados do Sheik Jabari, estavam o Chefe do Conselho Regional da Judéia e Samaria Yossi Dagan, o líder da comunidade judaica de Hebron, Yishai  Fleisher e membros da Câmara de Comércio da Judéia e Samária.

“É uma grande honra recebê-los em minha casa. Esta refeição é uma forma de reforçarmos as relações comerciais e os laços de amizade que vêm crescendo e nos levarão a uma posição mais positiva”, disse Jabari.

Segundo o canal israelense de notícias “Arutz 7”, Jabari acrescentou: “Quebrarmos juntos o jejum em uma refeição compartilhada na cidade de Hebron, claramente simboliza nossa capacidade de encontramos soluções para todas nossas diferenças.

Refeições como essa são parte de uma tendência crescente onde líderes empresariais palestinos escolhem colocar de lado questões políticas e religiosas, e focar em melhores perspectivas econômicas para os muçulmanos.

A refeição oferecida pelo Sheik Jabari contou com alimentos kasher para que os convidados judeus religiosos pudessem desfrutar da festa.