Soldados do Hezbollah no Líbano com uma faixa com a foto de Hassan Nasrallah, Líder do grupo terrorista (AP/Mohammed Zaatari) Soldados do Hezbollah no Líbano com uma faixa com a foto de Hassan Nasrallah, Líder do grupo terrorista (AP/Mohammed Zaatari)

O grupo terrorista Hezbollah assumiu a autoria dos disparos efetuados na manhã desta sexta-feira contra Israel.


Por David Aghiarian, Unidos com Israel

Tel Aviv, 06/08/2021

 

Pouco antes das 11h da manhã desta sexta-feira (6), Israel foi alvo de um ataque massivo e vários foguetes foram lançados contra o país desde a região sul do Líbano. Minutos depois, a organização terrorista Hezbollah, liderada por Hassan Nasrallah e financiada pelo regime iraniano, assumiu a autoria do ataque.

As sirenes que alertam a população israelense sobre ataques ao país soaram às 10:54h (horário de Jerusalém) e os cidadãos do vilarejo druso Ein Qiniyyeh foram obrigados a correr para os abrigos antiaéreos. O alerta também foi acionado nas cidades de Neve Ativ e Shanir. Estas cidades, estão localizadas nas proximidades do Monte Hermon, na região do Golã.

De acordo com uma nota divulgada pelo Porta-voz das Forças de Defesa de Israel, IDF na sigla em inglês, a maioria dos foguetes lançados pelo Hezbollah foram interceptados pelo sistema de defesa antiaéreo Domo de Ferro. Os demais, caíram em regiões descampadas.

Ainda não há informações sobre feridos ou danos caudados no território israelense.

O ataque de hoje a Israel é o segundo desta semana. Na quarta-feira (4), três foguetes foram lançados da região sul do Líbano contra a cidade de Kriat Shmona.