Israeli soldiers and volunteers pack food for families in need. (Michael Giladi/Flash90) Israeli soldiers and volunteers pack food for families in need. (Michael Giladi/Flash90)

Related:

O setor ultraortodoxo da população israelense é responsável por grande parte do trabalho voluntário realizado no país com quase 60% dos membros desta comunidade engajados nesta atividade.


Por Efrat Forsher, JNS.org

Versão em português, UWI

 

Os dados de uma pesquisa referente ao trabalho voluntário em Israel foram apresentados nesta segunda-feira (16) ao presidente Isaac Herzog. De acordo com o estudo, realizado anualmente, quase metade da população israelense, 42%, realiza algum tipo de trabalho voluntário.

A pesquisa constatou que Israel é um dos países líderes em atividade voluntária. No topo da lista estão o Canadá (79%), Reino-Unido (63%), Austrália (57%) e Nova Zelândia (51%). Israel ficou ainda na frente da Suíça (39,9%), Holanda (39%) e Estados Unidos, país em que apenas 25% da população realiza algum tipo de atividade voluntária.

O estudo entregue ao presidente Isaac Herzog mostrou ainda que homens e mulheres participam equitativamente de atividades voluntárias. Em termos de faixas etárias, 34% dos adultos com idades entre 18 e 34 anos afirmaram voluntariar-se regularmente. Entre os cidadãos com idades entre 35 e 54 anos este índice chega a 47,9% e ficou registrado em 42% entre pessoas com idade superior a 55 anos.

Um índice interessante é referente a parcela ultraortodoxa da população israelense. De acordo com os dados do estudo, 60% dos membros desta comunidade participam regularmente de algum tipo de atividade voluntária, um exemplo para o resto da sociedade.

A maioria dos entrevistados pela pesquisa disse preferir atividades voluntárias referentes as áreas de bem-estar e assistência social. As áreas da educação, saúde, meio ambiente e religião são outras muito procuradas pelos israelenses.

“Cabe a nós impulsionar o envolvimento social. Temos de escolher aquilo que nos une e aproxima e deixar de lado o que nos divide”, disse Isaac Herzog.

A pesquisa apresentada ao Presidente de Israel foi conduzida pelo Centro de Estudos da Sociedade Civil e Filantropia da Universidade Hebraica de Jerusalém em parceria com o Ministério do Bem-Estar Social.

Send Passover Packages to Needy Israeli Soldiers - Bring Them Joy!

We are honored to thank the young men and women of the IDF who risk their lives every day to protect the citizens of Israel. Since October 7th, soldiers have been on the battlefield for months - many are hoping to come home for Passover.

Join us in sending Passover food packages (and personal notes) to Israeli soldiers and their families.

Many soldiers spend the Passover holiday with needy families back home. The soldiers greatly appreciate your love and concern. Bring them Passover joy!

CLICK HERE TO SEND YOUR PACKAGE AND NOTE TO ISRAELI SOLDIERS!

Donate to Israel

Related: